EnglishPortugueseSpanish
EnglishPortugueseSpanish

Cyrtopodium saintlegerianum

46,00

  • Planta é adulta
  • Fornecida sem substrato
  • Em idade de floração
  • Planta importada do Brasil de acordo com as normas fitosanitárias estabelecidas pela DGAV
  • Data prevista para entrega 31/08/22

Esgotado

Adicionar Lista de Desejos
Adicionar Lista de Desejos

SHARE THIS:

Descrição

O Cyrtopodium saintlegerianum

é uma planta de grande porte, com grandes bulbos, e com magníficas inflorescências carregadas de flores espetaculares.

Cyrtopodium é um gênero botânico pertencente à família Orchidaceae, composto por pouco mais de 40 espécies. Foi proposto em 1813 pelo renomado botânico e físico escocês Robert Brown (1773 – 1858).

Brown se notabilizou como coletor de plantas no sudoeste asiático e na Oceania. Suas mais brilhantes descobertas foram nas terras hoje conhecidas como Austrália, onde coletou, entre 1801 e 1805, perto de 4000 plantas, das quais mais da metade eram até então desconhecidas. Infelizmente, para ele e para a ciência, boa parte da sua coleção perdeu-se quando o navio Porpoise, que transportava as referidas plantas para Londres, naufragou no meio da viagem.

Origem

Centro-oeste brasileiro, como epífita, sobre palmeiras, às vezes no tronco, outras vezes na bainha das palmas.
Produz grandes bulbos, de mais de 60 cm, recobertos por bainhas firmemente aderidas, com 6 e, por vezes, mais folhas.

Cultivo

O Cyrtopodium saintlegerianum deve ser cultivado buscando-se reproduzir, no mais possível, as condições predominantes no cerrado brasileiro, de onde ele é originário: vasos de pouca profundidade (ou fundo de drenagem ocupando 2/3 do vaso), com substrato bastante poroso e não compactado.

Luz

Pode ser cultivado em pleno sol, havendo boa ventilação e circulação de ar.

Temperatura mais adequada Dias quentes, acima de 30 º no verão e abaixo de 20 º no período seco de inverno, com boa queda de temperatura à noite.

Umidade e rega

Está adaptado às condições do cerrado, com um longo período seco que antecede a época de floração. A rega é a normal, com duas ou três por semana, sal entre julho e setembro quando deve ser reduzida para uma vez por semana.

Fertilização e tratos culturais

Fertilizantes com NPK igual, com adições periódicas de cálcio e magnésio.

Flor e floração

Inflorescência apical, mais vezes com hastes secundárias. Produz centenas de flores quando bem florido, com um belo espetáculo visual.

Informação adicional

Peso 1,800 kg

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Apenas clientes com sessão iniciada que compraram este produto podem deixar opinião.